A CIA

A Cia. Damas em Trânsito e os Bucaneiros iniciou seus trabalhos em janeiro 2006. Desde então, tem cultivado, ao longo desses anos de trabalho continuado, um espaço de criação coletiva, no qual desenvolve pesquisa sobre improvisação em dança e em música em que estas linguagens são, tanto dispositivos no momento da criação e da descoberta das imagens, sons, movimentos, jogos e tensões que vão compor a cena, quanto meios de construir seu discurso e dialogar com o espectador. O trabalho corporal está apoiado, principalmente, nos fundamentos da dança do Contato Improvisação. A Cia. tem se interessado em investigar como a arte, e neste caso, a arte cênica, pode ocupar os espaços públicos da cidade, e como pode se relacionar com estes espaços e seus habitantes, para, a partir disto, discutir as relações das pessoas em suas singularidades com os espaços que habitam e as trocas culturais e coletivas das quais fazem parte. Aproveita ainda esta pesquisa para descobrir maneiras de construir uma relação mais íntima com o público, procurando diminuir o distanciamento entre este, os artistas e as obras. 

Nessa trajetória, a Cia. já contou com o apoio de diversos editais e prêmios: Fomento à Dança da Cidade de São Paulo, ProAc (Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo), Prêmio Estímulo à Dança Paulista, Prêmio FUNARTE de Dança Klauss Vianna, Prêmio Denilto Gomes (Melhor Criação em Dança Site-Specific); com os quais desenvolveu diferentes criações e projetos, dentre eles destacam-se: “Partilhas Poéticas em Contato”, “Ponto de Fuga - Recriação”, “Memórias, afetos e bicicletas: 10 anos da Cia. Damas em Trânsito e os Bucaneiros”; “Sobre Ruas e Rios”; “Espaços Invisíveis” (vencedor do Prêmio Denilto Gomes como melhor espetáculo na categoria Criação em Dança Site-Specific); “O Novo no Conhecido”; “Lugar do Outro”; “Duas Memórias”; “Por fim, novas e repetidas”; “Puntear”; “Ponto de Fuga”; e “Puntear - Pesquisa”. Além disso, participou de festivais e se apresentou em diversos espaços em diferentes cidades do Brasil: Visões Urbanas (Festival Internacional de Dança em Paisagens Urbanas); Circuito SESC de Artes; Bienal Internacional SESC de Dança; Festival Internacional de Contato Improvisação de São Paulo; etc.